23/11/2020

Enfermagem elege mais de mil vereadores no Brasil

Levantamento do Cofen revela fortalecimento político da profissão nas eleições municipais.

Profissionais de Enfermagem vão ocupar 1.192 assentos nas Câmaras Municipais e Prefeituras brasileiras. Levantamento do Conselho Federal de Enfermagem com base nos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) identifica a eleição de 694 enfermeiros, 379 técnicos de Enfermagem e 119 candidatos que, embora não tenham declarado profissão, incluem referências à Enfermagem em seus nomes.

São 44 prefeitos, 79 vice-prefeitos e 1.069 vereadores. Com 853 municípios, o estado de Minas lidera a lista, com 201 profissionais de Enfermagem eleitos, seguido de São Paulo (139) e Bahia (106). A Enfermagem está representada em partidos de todos o espectro político.

Para o presidente do Cofen, Manoel Neri, o resultado reflete o reconhecimento social da importância da Saúde, impulsionado pela pandemia de covid-19, e um fortalecimento político da profissão.

“A Enfermagem representa mais da metade dos recursos humanos do SUS e, nesta pandemia, demonstrou força e coragem, impedindo o colapso sanitário do país. Parabenizo os eleitos e espero que sua atuação nas Câmaras Municipais de Prefeituras contribua para fortalecer a assistência à Saúde, neste momento tão adverso”, afirmou Neri.

Fonte: Ascom – Cofen